Cordelirando...

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Neste blog você encontrará alguns cordéis de Salete Maria, bem como notícias acerca de sua produção e seu diálogo com outros artistas
... . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

Lugar de Mulher, recitado por Salete Maria

segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

Afeto Feminista


AFETO FEMINISTA

Aquele cuidado lindo
Que encanta nossas vistas
Que aos poucos vai nutrindo
Nossa alma equilibrista
Que sacia nossa fome
A isto damos o nome
De afeto feminista


Aquela sinceridade

Que não se vê no sofista
Junto com a honestidade
Dos que são idealistas
É o sonho que nos consome
A isto damos o nome
De afeto feminista

Aquele acolhimento
Que nos faz mais otimista
Que aplaca o sofrimento
Com palavras intimistas
Tem amor no codinome
A isto damos o nome
De afeto feminista

Aquela compreensão
Do nosso ponto de vista
Que não põe em suspeição
E nem exige avalista
É fruto bom que se come
A isto damos o nome
De afeto feminista

Aquela ação concreta
Real e coletivista
Que a teoria completa
De forma não dualista
Capaz de ter sobrenome
A isto damos o nome
De afeto feminista


Aquela camaradagem
Que incomoda o machista
Que desmonta a engrenagem
Da roda capitalista
Deixa o racismo insone
A isto damos o nome
De afeto feminista

Aquele encontro de vidas
Que amplia nossa lista
Das pessoas mais queridas
Dentre tantas "alquimistas"
Que curtem a pedra-pomes
A isto damos o nome
De afeto feminista

Aquela escuta amorosa
Terna e voluntarista
Ou  dedinho de prosa
Num momento niilista
Não há força que lhe dome
A isto damos o nome
De afeto feminista


Aquela força tremenda
Nas fases mais derrotistas
Quando não há quem entenda
Tua crise existencialista
Vem de alguém que não some
A isto damos o nome
De afeto feminista

Aquela palavra certa
Que não se lê nas revistas
Quando tudo está uma merda
Nos espaços belicistas
Que embrulham o abdome
A isto damos o nome
De afeto feminista

Aquele abraço forte
Poderoso e altruísta
Que na dor serve de norte
Quando perdemos a pista
Q
ue ainda não tem renome
A isto damos o nome
De afeto feminista

Aquela sororidade
Que nos leva às conquistas
Na luta por igualdade
Por liberdade e justiça
Não existe quem nos tome
A isto damos o nome
De afeto feminista

Salete Maria
Salvador, 15/01/2018


Imagem: Susana Maria

10 comentários:

Francineide Marques disse...

Maravilhoso " afeto feminista " muito bom senti-lo! 💜😍

Unknown disse...

Para nós afeto feminista!

Anarquistas Graças a Deus! disse...

Salete Maria disse...

Forte abraço, querida!

Salete Maria disse...

Que assim seja! Bjs

Graciele Castro Cordelista disse...

Maravilha de cordel, quanta delicadeza!
Sou fã!!!

LUCIANA BRANCO disse...

Muito grata a companheira SALETE por este terno aconchego de AFETO FEMINISTA. Muito grata à ABMCJ que me presenteia com irmãs de alam na estrada desta existência. SORORIDADE SEMPRE!!!

rosazul disse...

Sou fã dessa mulher incrível em todas as áreas. Obrigada por tantas expressões poéticas que são gotas de ternura em nossa alma!!! Vida longa : )

Lívia Pacheco disse...

Sensível e belo!

Salete Maria disse...

Quanta generosidade de vocês! Sou grata!